Ritalina Efeitos Colaterais (DESMISTIFICADOS)

Visão geral dos efeitos colaterais da Ritalina

A Ritalina (metilfenidato) é um estimulante do sistema nervoso central prescrito para o tratamento da narcolepsia (sono incontrolável) e de déficit de atenção e hiperatividade (TDAH). A Ritalina está disponível como um medicamento genérico. A Ritalina precisa de receita.

Efeitos colaterais comuns da Ritalina incluem nervosismo, agitação, ansiedade, problemas de sono (insônia), dor de estômago, perda de apetite, perda de peso, náuseas, vômitos, tonturas, palpitações, dores de cabeça, problemas de visão, aumento da frequência cardíaca, aumento da pressão arterial, sudorese, erupção cutânea, psicose e dormência, formigamento ou sensação de frio em suas mãos ou pés.

Ritalina como Tomar

A dose recomendada de Ritalina é de 10-60 mg por dia, administrado em duas ou três doses divididas. Interações medicamentosas incluem a cafeína, pseudoefedrina, inibidores da monoamina oxidase (IMAO) como, por exemplo, isocarboxazida (Marplan). Não existem estudos adequados de Ritalina em mulheres grávidas. Não se sabe se o metilfenidato passa para o leite materno.

Esta seção fornece uma visão abrangente de informações sobre os efeitos colaterais da Ritalina. Esta não é uma lista completa dos efeitos colaterais e outros podem ocorrer. Entre em contato com seu médico para aconselhamento sobre efeitos colaterais.

Ritalina em Detalhe – Informações para o Paciente: Efeitos colaterais

Obtenha ajuda médica de emergência se tiver algum destes sinais de uma reação alérgica: urticária; dificuldade em respirar; inchaço do rosto, lábios, língua ou garganta.

Pare de tomar metilfenidato e contate seu médico imediatamente se você tiver efeito colaterais graves, tais como:

  • batimentos cardíacos irregulares ou rápidos;
  • sensação de que pode desmaiar;
  • febre, dor de garganta e dor de cabeça com um empolamento grave, descamação e prurido de pele vermelha;
  • agressão, agitação, alucinações, comportamento incomum ou tiques motores (contrações musculares);
  • hematomas fáceis ou manchas roxas na pele; ou
  • pressão arterial perigosamente alta (cefaleia, visão turva, zumbido nos ouvidos, ansiedade, confusão, dor no peito, falta de ar, batimentos cardíacos irregulares e apreensão).

Efeitos colaterais menos graves podem incluir:

  • dor de estômago, náuseas, vômitos, perda de apetite;
  • problemas de visão, tontura, dor de cabeça leve;
  • sudorese, erupção cutânea leve;
  • dormência, formigamento ou sensação de frio em suas mãos ou pés;
  • sentimento nervoso, problemas de sono (insônia); ou
    perda de peso.

Esta não é uma lista completa dos efeitos colaterais e outros podem ocorrer. Entre em contato com seu médico para aconselhamento sobre efeitos colaterais.

>> VIDEO

Deixe um Comentário