Mal de Alzheimer: (CAUSAS)

Os cientistas acreditam que, para a maioria das pessoas, a doença de Alzheimer é resultado de uma combinação de genética, estilo de vida e fatores ambientais que afetam o cérebro ao longo do tempo.

Menos do que 5% das vezes, o mal de Alzheimer é causada por alterações genéticas específicas que praticamente garantem que uma pessoa irá desenvolver a doença.

Causas

Embora as causas da doença de Alzheimer ainda não sejam completamente compreendidas, os seus efeitos sobre o cérebro são claros: a doença de Alzheimer danifica e mata as células cerebrais. Um cérebro afetado pela doença de Alzheimer tem muitos menos células e muitos menos conexões entre células sobreviventes do que um cérebro saudável.

Detalhes

À medida que mais e mais células cerebrais morrem, o Alzheimer leva a um encolhimento significativo do cérebro. Quando os médicos examinam o tecido de um cérebro com Alzheimer sob o microscópio, eles veem dois tipos de anomalias que são consideradas características de doença:

  • Placas. Estes aglomerados de uma proteína denominada beta-amiloide podem danificar e destruir as células do cérebro de várias maneiras, incluindo interferir com a comunicação célula-a-célula. Embora a causa final da morte de células do cérebro na doença de Alzheimer não seja conhecida, a coleção de beta-amiloide no lado de fora das células do cérebro é o principal suspeito.
  • Emaranhados. As células do cérebro dependem de um sistema de apoio e transporte interno para transportar nutrientes e outros materiais essenciais ao longo de suas longas extensões. Este sistema exige a estrutura e o funcionamento normal de uma proteína chamada tau. Na doença de Alzheimer, fios da proteína tau se torcem em emaranhados anormais dentro das células do cérebro, levando à insuficiência do sistema de transporte. Esta falha também está fortemente implicada na queda e morte de células do cérebro.

Mais informações: http://www.abraz.org.br/

>> VIDEO

Deixe um Comentário