Dor no (FINAL DA COLUNA)

Coccidínia, comumente chamada de dor no cóccix ou dor no final da coluna vertebral, é uma condição bastante rara e relativamente mal entendida que pode causar dor persistente na parte inferior da coluna vertebral.

Esta parte da coluna vertebral é o cóccix. A coccidínia é sentida como uma dor localizada e geralmente piora quando sentado ou com qualquer atividade que coloca pressão sobre a área inferior da coluna vertebral.

A condição é muito mais comum em mulheres do que homens. É geralmente causada por trauma local (por exemplo, uma queda) ou o parto. Em raras ocasiões, uma infecção ou tumor também podem causar dor no cóccix.

Sintomas e Tratamentos da Coccidínia

Os sintomas da dor no final da coluna podem consistir em uma ou todas as seguintes características:

  • Dor que é nitidamente pior quando sentado
  • Dor local na área do cóccix que é pior quando tocado ou quando qualquer pressão é colocada sobre ele
  • Dor que é pior durante um movimento em uma posição sentada
  • Dor que é pior com prisão de ventre e melhora depois de uma evacuação.

Como Acabar com Dores na Coluna

Uma combinação de tratamentos para reduzir a dor e modificar atividade para manter a pressão sobre o cóccix normalmente é suficiente para controlar ou aliviar a dor.

Em casos muito raros, a cirurgia para remover o cóccix pode ser recomendada, mas a cirurgia (a coccigectomia) só irá tipicamente ser considerada se a dor for grave e se vários meses de tratamento não-cirúrgico e de modificação de atividade não foram eficazes no alívio da dor.

História da Dor no Cóccix

A coccidínia tem uma longa história de ser mal compreendida. No início de 1900, a coccidínia foi um diagnóstico popular para todos os tipos de dor lombar. Um tratamento bastante extremo, a remoção cirúrgica do cóccix (coccigectomia), era comumente realizado para tratamento da dor lombar. Na melhor das hipóteses, esta operação teve resultados variáveis.

Em seguida, o pêndulo oscilou para o outro lado e a opinião geral era de que uma vez que a condição era principalmente em mulheres, era de alguma forma relacionada com a “neurose”.

O corolário é que, se a operação não funcionou, foi porque a dor estava na cabeça do indivíduo; por conseguinte, a operação caiu em descrédito e não foi mais comumente realizada.Posteriormente, pouca pesquisa sobre o assunto foi feita.

Ambos os extremos de opinião há muito tempo caíram no esquecimento e sabe-se agora que a coccidínia existe como uma condição médica. No entanto, é bastante rara.

>> VIDEO

2 Comentários

Deixe um Comentário