Dieta Enteral (EXPLICADA)

Todas as pessoas precisam de comida para viver. Entretanto, às vezes uma pessoa não pode comer qualquer alimento ou o suficiente por causa de uma doença.

Outros podem ter apetite diminuído, dificuldade para engolir ou ter passado por algum tipo de cirurgia que interfere com a alimentação.

Quando isto ocorre e a pessoa não pode comer, a nutrição deve ser fornecida de uma maneira diferente. Um método é “dieta enteral” ou “alimentação por sonda”. Uma terapia nutricional enteral deve ser levada em consideração neste caso.

A digestão normal ocorre quando o alimento é dividido no estômago e intestino, em seguida, absorvido no intestino. Estes produtos absorvidos são transportados pelo sangue para todas as partes do corpo.

A alimentação por sonda é quando uma mistura especial de alimento líquido que contém proteínas, carboidratos (açúcar), gorduras, vitaminas e minerais é dada através de um tubo no estômago ou no intestino delgado.

Quem recebe a alimentação por tubo?

Pessoas de todas as idades recebem alimentação por sonda nasogastrica tecnica. Ela pode ser administrada a lactentes e crianças, assim como para adultos. As pessoas podem viver muito bem no tubo de alimentação durante o tempo que for necessário.

Muitas vezes, a alimentação por sonda é utilizada por um curto período de tempo – o tubo é removido quando a pessoa pode começar a comer normalmente.

Como é a alimentação por tubo é fornecida?

A alimentação por sonda pode ser dada através de diferentes tipos de tubos. Um tipo de tubo pode ser colocado através do nariz até o estômago ou intestino. Isto é chamado de tubo nasogástrico ou tubo de alimentação nasoentérico.

Por vezes, o tubo é colocado diretamente através da pele para dentro do estômago ou intestino. Isso é chamado de gastrostomia ou jejunostomia. Sua equipe de saúde (médicos, enfermeiros, nutricionistas e farmacêuticos) vai falar com você sobre os diferentes tipos de tubos de alimentação.

Mais informações sobre alimentação enteral: http://www.sbnpe.com.br/

>> VIDEO

Deixe um Comentário