Creatina: Conheça os (EFEITOS COLATERAIS)

A creatina é uma substância química que é normalmente encontrada no corpo, principalmente nos músculos. Ela é produzida pelo corpo humano e também pode ser obtida a partir de certos alimentos, como peixes e carnes. A creatina pode também ser feita em laboratório.

A creatina é mais comumente utilizada para melhorar o desempenho do corpo em exercícios físicos e aumentar a massa muscular em atletas e adultos mais velhos. Existem pesquisas científicas que apóiam o uso da creatina para melhorar o desempenho atlético de pessoas jovens e saudáveis durante uma atividade breve de alta intensidade, como a corrida.

No entanto, adultos mais velhos não parecem se beneficiar da substância. A creatina não parece melhorar a força ou composição corporal em pessoas com mais de 60 anos.

Efeitos Colaterais

A creatina é PROVAVELMENTE SEGURA quando tomada por via oral de forma adequada por até 5 anos.

Quando tomada por via oral em doses elevadas, a creatina é POSSIVELMENTE INSEGURA. Há preocupações de que a creatina pode prejudicar o rim, o fígado ou a função do coração. No entanto, a ligação entre doses elevadas e esses efeitos negativos não foi comprovada. A creatina também pode causar dor de estômago, náuseas, diarréia e dores musculares.

A creatina faz com que os músculos tirem água do resto do corpo. Logo, certifique-se de beber água extra para compensar. Além disso, se você estiver tomando creatina, não faça exercícios no calor, pois isso pode acarretar em desidratação.

Muitas pessoas que usam creatina ganho de peso. Isso ocorre porque a creatina faz com que os músculos armazenem água e não porque ela realmente ajuda a construir um músculo.

Existem preocupações de que a combinação de creatina com cafeína e a erva efedrina (também chamado Ma Huang) pode aumentar a chance de efeitos colaterais graves, como o acidente vascular cerebral (AVC).

Outros possíveis medos são que a creatina pode deixar os batimentos cardíacos de algumas pessoas irregulares ou causar uma doença de pele chamada pigmentada dermatose purpúrica. No entanto, são necessárias mais informações para saber se a creatina realmente pode causar esses problemas.

Precauções e advertências especiais:

Gravidez e amamentação: Não há conhecimento suficiente sobre o uso de creatina durante a gravidez e amamentação. Fique do lado seguro e evite a utilização.

Doença renal ou diabetes: Não use creatina se você sofre de doença renal ou de doenças como a diabetes, que aumentam sua chance de desenvolver doenças renais. Há indícios de que a creatina pode piorar uma doença renal.

Fonte: WebMD

>> VIDEO

Deixe um Comentário